Medidores de energia: conheça os principais tipos

Medidores de energia: conheça os principais tipos

13.05.2022 | 7 minutes read

Os medidores de energia são dispositivos fundamentais nas instalações elétricas industriais, comerciais e residenciais, já que realizam a aferição da quantidade de energia consumida da rede de distribuição de eletricidade. 

Inicialmente, eles só calculavam as unidades de energia consumidas. Mas, com os avanços tecnológicos, hoje existem opções com vários recursos importantes para a precisão da leitura. 

No artigo a seguir você conhecerá os principais modelos e funções do aparelho. Continue a leitura e fique atualizado. 

 

Quais são os tipos de medidores de energia?

Em primeiro lugar, é preciso esclarecer que medidores de energia elétrica são aparelhos desenvolvidos para realizar a averiguação das unidades de energia consumidas em edificações empresariais ou residenciais. 

O aperfeiçoamento realizado nesses dispositivos tornou-os capazes de identificar mais informações relevantes, como: medição de tensão, corrente, fator de potência, controle de carga e visualização de perdas e roubo de eletricidade. 

Existem dois tipos de medidores de energia, o eletromecânico e o eletrônico. No primeiro modelo, o aparelho possui um disco de metal que se movimenta toda vez que uma corrente elétrica passa pelas bobinas, gerando um campo magnético.

Ou seja, quanto maior a velocidade do disco, mais forte é o campo magnético identificado e, consequentemente, mais energia está sendo consumida. O modelo analógico foi popularizado como “relógio de luz” e ainda é bastante utilizado nas instalações de residências e edifícios comerciais. 

Em contrapartida, o medidor eletrônico é considerado mais eficiente do que o primeiro modelo por apresentar exatidão das informações sobre consumo. Outra vantagem do dispositivo é ser monitorado à distância (via modem e internet). Na avaliação dos especialistas, a partir dos dados coletados é possível ter um melhor dimensionamento na distribuição de energia. 

 

Como funcionam os medidores?

De forma geral, os medidores de energia eletromecânicos funcionam a partir da indução eletromagnética, desencadeada quando a eletricidade está sendo utilizada na instalação e nos circuitos. Esse campo movimenta as engrenagens do dispositivo, fazendo com que os ponteiros se movam, possibilitando assim a mensuração do uso de eletricidade. 

No caso dos medidores eletrônicos, a base de funcionamento da medição é realizada por sensores associados e transdutores (conversores de sinais de parâmetro). Esses dispositivos registram a quantidade de corrente e potencial, por meio de sinais de entrada, que é multiplicada, obtendo-se a potência instantânea. Por último, esse resultado é integrado para obtenção da quantidade de energia consumida. 

No mercado estão disponíveis aparelhos com tecnologia avançada a fim de proporcionar uma gestão mais eficiente dos recursos energéticos. É o caso do aparelho de submedição da ABB, que oferece uma descrição mais detalhada do consumo de energia, ajudando a identificar áreas específicas onde houve maior uso. 

Outro modelo com alta procura é o multimedidor em razão da diversidade de uso. Em linhas gerais, ele pode ser aplicado na medição de máquinas, comércios e indústria, registrando parâmetros como tensão, corrente, frequência e fator de potência. Pode ser monofásico ou trifásico, sendo que alguns modelos realizam leitura de harmônicos. 

 

Cuidados com os dispositivos

A vida útil de um medidor de energia varia entre 20 e 25 anos. Contudo, alguns fatores externos do ambiente podem acelerar o processo. Uma dessas situações é quando os lubrificantes do dispositivo oxidam. Isso acontece por entrada de pó, sujeira e outros elementos ambientais. 

Primeiro ocorre o escurecimento do lubrificante, seguido de uma viscosidade maior até chegar a um estado semelhante ao barro. Essa condição causa efeito de frenagem no rotor e registrador, causando problemas no funcionamento. 

Outro fator decorrente do desgaste de uso é a ocorrência de queima no equipamento. Isso acontece em função da deterioração e de falhas na isolação, provocando o problema nas bobinas do medidor. Por esse motivo, é necessária a realização de manutenção nos aparelhos a fim de evitar as ocorrências citadas. 

Em resumo, os medidores de energia elétrica são fundamentais na aferição de eletricidade consumida, tanto para as distribuidoras quanto para os consumidores. As medidas preventivas, como avaliações regulares, e a troca de dispositivos quando necessário podem evitar problemas como perdas de energia. 

No blog da ABB você terá acesso a vários conteúdos relacionados à eletricidade. Clique no link para conferir mais artigos e ficar atualizado sobre as informações do setor.

[Catálogo] Conheça o nosso catálogo de motores elétricos! | Baixar catálogo | ABB Eletrificação

Author

Abel Santos

Olá! Você ainda não me conhece? Muito prazer, eu sou o Abel Santos, parceiro da ABB Eletrificação e estou aqui para te ajudar a saber mais sobre todo o portfólio de produtos de Eletrificação, do Residencial ao Industrial! Confira os conteúdos exclusivos compartilhados aqui no Blog!
© ABB India Ltd. | Address: 88/3-88/6, Basavanahalli Village, Kasaba Hobli, Bengaluru, Karnataka - 562123